Comentários!

Sejam todos bem vindos à Coruja de Cerrydwen, Bençãos da Deusa do Caldeirão mágico estão a sua espera!
Quando Ler os posts considere fazer um comentário direto nas publicações ou via Twitter, clicando na imagem reservada para o site na barra lateral deste Blog! Saber sua opinião é algo bastante valioso para nós! Não deixe também de nos seguir e compartilhar aquilo que vocês acham interessante em suas redes sociais, copiando o link na barra de endereços, pois isso é muito importante para nosso trabalho!
Bençãos dos Deuses! Sláinte, pois as palavras contidas aqui são brindadas a nós pelos Deuses!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Grande Força - Neart mór

É interessante que vejam o video antes de ler o texto - TonOwl {*v*}

Grande força – Neart mór

É essa!!!
Sim! é essa a energia cósmica que me chama.
Pulse e exploda em energia divino ser .
Volte de onde tu partiu .
Pois como uma de minhas frases mais celebres:
Digo que de mim veio e a mim retornarás, ó sagrada criança.
Enquanto caminha entre as brumas mantenha forte teu pensamento na Rainha.
Enquanto as lagrimas correm teu rosto busque de coração puro teu destino.
Como uma garça branca, um cisne prateado, um corvo negro Adentre os portões do submundo.
Sim! Pois este é o termino para o recomeço.
Volte a minha força.
Volte a minha energia.
Clame por sua divindade interior.
E desça pela entrada entre os mundos sabendo que não há retorno uma vez que os portões se fechem.
Agora lance tua energia para terra, céu e os quatro pontos cardeais da esperança.
Pois como filho dos Deuses.
A ti foi prometido meu auxilio, meu poder e minha magia.
E agora eu cumpro com minha palavra e minha honrra.
Pois como filhos da terra do norte ao mar do Oeste nunca negaremos nosso espirito.
Nunca fugiremos a nossa honrra.
Nunca renegaremos o sangue que corre em nossas veias, pois somos os puros de coração.
E portanto nunca perderemos nossa essencia divina.

Ton Owl {*v*}

circulopagao-simbolo1 

logie-ogham

 

domingo, 19 de dezembro de 2010

Um dia ouvi falar sobre três mundos

druids16 

Fagulha de luz que acende
Nunca deixe adormecer o divino que se encontra em sua mente.
Como pode durante as treze luas do ano
esquecer-se do divino soprano?
Assim toda vez que sentir a luz negra a tua volta,
Sim aquela que toma teu corpo.
Pense nos ventos que sopram,
nas penas de coruja que flutuam,
na divina força que rege o mundo,
na teia sagrada que liga tudo.

Pois de alguma forma eu espero que lá esteja
a força cosmica da Deusa…
...e do Deus
Umas me puxando para um lado e outras para o outro,
que brincadeira de simbologia mágica é essa?
Que no inicio me toma a alma como se minha energia me transportasse a uma floresta,
e que depois me faz confuso pelas forças que bifurcam entre mundos.
Sempre disse, e sempre vou dizer que sou a coruja filha dos Deuses,
que minhas garras foram abençoadas pelo poder da sabedoria.
Mas mesmo as corujas precisam do auxilio.
Então divina garça não me perca no meio do cientificismo,
traga o sentido da harmonia na magia.


Nunca disse que meu destino não seria cumprido
Mas peço pelas mãos de cerydwen não me deixe vagar nas imagens dos sonhos.
não permita que seu filho seja perdido
Não me deixe esvair pelo que é fixo, imutavel a transformações e cristalino.

Uma vez ouvi dizer que existem três mundos
aquele sobre a cabeça dos homens é o  chamado divino, onde a comunicação com as forças misticas é feita.
Psiquico é a força que nos conecta com os Deuses, que nos faz  abrir os olhos do...
Concsiente que é preso a terra mas pode se libertar-se, ligando-se intrinsicamente ao psiquismo e por consequência ao divino.

Façam se alinhar as três forças
E que pelo caldeirão sagrado onde tantas vezes vi subir tua espiral de força.
Seja a chama da alma que nos move, renovada.

Ton Owl {*v*}

domingo, 19 de setembro de 2010

Ó "Divino me tenha por sobre a lua crescente!

deus

Ó "Divino me tenha por sobre a lua crescente!

Faz tanto tempo que eu mesmo não entrava em meu próprio blog!

Estou me sentindo adentrando o caldeirão na floresta sagrada de Cerrydwen.

Repleto pelas dádivas que os Deuses me trazem enquanto adentro o mais liqüoso e apaixonante néctar sagrado da Antiga Ãncia do caldeirão.

E quando sinto o "teu" toque é como se Belenus me abraçasse forte com desejos quentes de verão.

É como se meu corpo fosse possuído pelas mãos mais fortes desse Deus do amor e do sol que você representa.

E quando sinto teu beijo é como se me transportasse para o País do Verão, onde todos os sentidos são apenas aqueles relacionados aos aprendizados da alma.

Aos Deuses pedi pela mais tenuê força que tu fosses trazido a mim "divino Deus de chifres que representa a força!"

E aos Deuses eu pedirei pela clemência diante da lua crescente que tu nunca mais mais saia de meu encalço.

Me encante com teus poemas e elogios ser iluminado pelas forças da lua, me leve em tua dança diretamente a caverna secreta do destino.

Me leve com você!

E me mantenha nos teus abraços para o eterno sempre!!!


Ton Owl {*v*}

terça-feira, 27 de julho de 2010

Manuscrevendo


Minha vida é um toque de violões...
A mais simples canção pedindo para ser ouvida
Eu peço para que sintam minha'lma
Que caminha descalça pelo solo quente que é a terra
Minha alma nesse momento se sente em busca de algo que nem mesmo sabe
Mas sabe muito bem o que gostaria de encontrar e por suposto ter.
Minha vida é agora um misto de "quero você, musicas e paixões, untouched'S e manuscritos"
Vai e vem de emoções onde os dias se tornam "azuis/vermelhos, frios!"
Onde "não há sensação melhor, não há"
E os meus sentimentos se mesclam com felicidade e solidão
Busca e sentido de preenchimento
Sinto que busco e sinto a loucura de um momento que já tenho.
Pelo espaço de tempo curto que tenho vivido...

Ton Owl {*v*}





segunda-feira, 28 de junho de 2010

Ahhh, nem preciso falar que adoreiii

Ahhh, nem preciso falar que adoreiii

Estou me sentindo assim...
Só que amo sem amar
Quero sem ter...
...certeza
Sei lá meio louco.
aiaiiaiaiiaia
tudo culpa sua me deixar assim. Viu?
esse poema maluco.
Dos sonhos que desejamos, das noites que aspiramos e dos suspiros que evitamos.

beijos da coruja da noite {*v*}
Ton Owl {*v*}

Inspirado pelo poema "Como?!" da incrível "Andréia Cartaxo"
Toda vez que entro no blog dela me sinto retornando a algo que vivi em um momento sublime de minha infância - Se você clicar no link desse post você será levado ao blog dela "reflection of mind" (reflexão da mente). Deixe-se levar. Ame! Curta! E boa Viagem!!!

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Folhas Flutuantes

Folhas Flutuamtes

Quem disse que não se pode adentrar no mais profundo escuro do teu coração??
Quem se atreveu um dia a proclamar essas insignificantes palavras tinha a alma muito pequena ou muito jovem, e nunca pode ter provado o sabor de sucumbir ao escuro e retornar do interior de seu submundo renovado.
Lá as folhas flutuam e te cortam em sangue, enquanto teu corpo brilha e escurece... pela força da onda de energia que guia teu espírito às lágrimas de sangue que purificam.
Lá teu espírito corre os portais iluminados diante da morte e ao encontro dela, não há vontade de fugir da Ceifadora do Destino.
Neste lugar onde o coração bate mais forte o ritmo da musica é esmagadora e tu'alma dança, sem escolha apenas dança... Dança ou cai, aprende ou quebra mais uma vez as pernas... fugir não é a opção... dançando a dança da vida, girando o circulo da morte, cortando pelas florestas do esquecimento, passando pelas provas do espírito para extrair tua luz sagrada.
Assim tu entendes que aqui ou morre e então renova-te aprendendo a seguir o ciclo ou continuará caindo na desgraça da dor e do sofrimento de uma morte que nada mais é do que algo necessário para a VIDA.

Ton Owl {*v*}

Vejam o video ... tem tudo a ver com o Post de Hoje e além do mais é lindo...
Florence + the Machine - Cosmic Love

video

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Pela luz da lua

Pela Luz da Lua

Sinto que você está passando pelo submundo
E meu conselho a ti é que não tenho tenha medo
Permita-se morrer e deixe a Rainha da morte decepar tua cabeça com sua foice
Do meu divino interior passei pelas montanhas de Arawn
Conheço o submundo como conheço o meu mais puro interior de força
E do fundo do meu mais negro interior " minha contra parte em equilíbrio da minha luz"
Eu peço aos Deuses divinos que as corujas negras de Cerrydwen guardem tua jornada
Que teus pés sigam o caminho do aprendizado pois ao fim desse caminho...
Teu espírito será divino, brilhante e negro,
Novo e crescente,
minguante e de morte como a luz da LUA.
Ton Owl {*v*}

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Refletindo

É quando tudo parece difícil.
É quando todos os problemas despertam .
Que chamamos os Deuses!!!
E por parecer para nós que tudo está acontecendo sem passar pelo crivo dos Deuses .
Que nos esquecemos que "A Roda ainda gira".
E que na verdade nunca deixou de girar !!!
As coisas acontecem quando menos esperamos.
Pois a divina força da teia que guia o mundo nunca desconecta, desconectou ou desconectará do nosso espírito.
Volto aqui agora escrevendo com a alma...
Para dizer que nada é nem nunca foi por acaso.
Quando parece ser difícil, certamente estamos passando pelo teste do "Fortalecimento"
E quando menos esperamos os Deuses lançam seus raios, intensificando mais ainda nosso brilho e luz pessoal.
Esperamos que ao final deste capítulo estejamos mais fortes e que tudo tenha passado nada mais do que um momento de cura e força.
E assim com certeza será!!!
Ton Owl {*v*}

sábado, 3 de abril de 2010

Mabon



"Aos que sentem minha falta que deixem em seu coração o Dia encontrar o Equilíbrio da Noite."

Sobre teus pés em teus passos eu ando e descanso
Em teu caminho eu sigo no rastro de encantos
Teus cabelos brancos
Me levam pelas forças do tempo
Enquanto os cheiros da tua poção sagrada emanam e me acalentam

Divina do caldeirão de força regido pela magia do nascimento vida e morte
Venha mais uma vez ao mundo, traga seu consorte
Pelas brumas do tempo mate-nos e faça-nos renascer
Pelas árvores do bosque guia nossas almas até o amanhecer
Pelo templo que é o seu próprio espírito e corpo guie nos pela roda
Pelo tempo de Mabon equilibre a natureza dia e noite a partir de agora

Viajei a voo por sobre águas ao Oeste e em terra pousei
Me mantive tão distante e só mesmo agora retornei
Num piscar de olhos teus sete véus cruzaram minha fronte
E só mesmo por agora vejo o quanto caminhei tão distante
Segui pelo caminho de pedras de areia e argila
E na mistura destes três criei uma vida de intrínseca harmonia
E agora me encontro aqui diante da construção de mim mesmo
Debruçado em meus pensamentos e tentando achar-me procurando-me a esmo
E o mais engraçado nisso tudo que digo
É que por mais que tu penses o contrário nunca me senti perdido...

Bênçãos a todos e Feliz Mabon!!!

Ton Owl {*v*}